Noticias Publicadas nesse Site                 

Quando será concluída a obra da MG 760?

Se os recursos estão garantidos, se os Ambientalistas não questionaram os novos estudos ambientais, se o Ministério Publico não acionou a justiça visando a proteção dos direitos difusos da sociedade e se a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável liberou o Licenciamento Ambiental, então, porque as obras não andam? Porque a obra esta parada e a empreiteira desmobilizou seu efetivo? O que esta impedindo a conclusão da obra e a implantação das condicionantes ambientais assumidas?

 Grupo de Trabalho sobre a Cobrança pelo uso de Recursos Hídricos

O  CERH criou no fim de 2018 um Grupo de Trabalho Conjunto das Câmaras Técnicas Institucional e Legal e de Instrumentos de Gestão, com o objetivo de promover discussão sobre o aprimoramento da cobrança pelo uso de recursos hídricos. Após quase dez anos da implementação do instrumento em Minas Gerais, é possível dizer que em vários pontos a cobrança pode ser aperfeiçoada, no sentido de cumprir seus objetivos legais.

Investimentos de R$ 63 milhões para o Parque do Rio Doce

O Comitê Interfederativo (CIF) aprovou o Plano de Trabalho elaborado pelo IEF, referente ao Parque Estadual do Rio Doce, para a implantação das ações previstas no Programa 39 - Programa de Consolidação de Unidades de Conservação. Esse programa faz parte do TTAC assinado entre a União, os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo e as empresas Samarco, Vale e BHP, em decorrência do desastre do rompimento da barragem de Fundão em  Mariana.

O PARQUE ESTADUAL DO RIO DOCE EM CHAMAS

Todos os anos, como num circulo vicioso, assistimos a repetição de uma realidade insana que causa apreensão a todos: inicia o período de estiagem e de incêndios florestais. A falta de chuva e a baixa da umidade relativa do ar, aliadas à ocorrência de vento forte potencializam os fatores que contribuem para a ocorrência de incêndios florestais. Perdemos para o fogo importantes áreas de interesse para a preservação da biodiversidade.