O inicio o período de estiagem e de incêndios florestais, causa apreensão a todos. A falta de chuva e a baixa da umidade relativa do ar, aliadas à ocorrência de vento forte tomam conta do Estado potencializa os fatores que contribuem para a ocorrência de incêndios florestais.

Todos os anos o estado de Minas Gerais perde para o fogo importantes áreas de interesse para a preservação da biodiversidade. Os  esforços do poder publico e de empresas privadas para sua prevenção e combate não tem sido suficientes para minimizar o problema.

Neste ano a  construção dos  aceiros preventivos  em  volta  do Parque  Estadual do Rio Doce  começaram  atrasados e em plena  temporada de incêndios florestais  ainda estão sendo     construídos. Soma-se a isso  que torres  de Vigilância e Prevenção a Incêndios Florestais no entorno da reserva estão desativadas.

Os incêndios florestais podem ter causas naturais mas, a maioria dos que ocorre atualmente, acontecem por causa da ação descuidada do homem, cada vez mais comuns. Infelizmente pode-se constatar que a maioria deles são ocasionados por:

· Pontas de cigarro atiradas em beiras de estrada,

· incêndios criminosos provocados intencionalmente,

· ataque proposital à floresta, feito por fazendeiros que pretendem impedir a regeneração natural de um trecho de mata em sua propriedade; 

· imprudência e descuido de caçadores, mateiros ou pescadores, com a propagação de pequenas fogueiras, feitas em acampamentos

· fagulhas provenientes de locomotivas ou de outras máquinas automotoras, consumidoras de carvão ou lenha; 

· perda de controle de queimadas, realizadas para "limpeza" de campos

· concentração de raios solares por pedaços de quartzo ou cacos de vidros em forma de lente. 

Os incêndios florestais causam grandes impactos ambientais e mesmo sociais, pela perda de biodiversidade, degradação do solo, facilitação dos processos erosivos,  redução da proteção dos olhos d'água e nascentes e colocam em perigo todos os que moram ao redor da área incendiada até mesmo, meses após o incêndio ter sido apagado.

Precisamos fazer nossa parte adotando ações preventivas colaborando nas ações de combate ao fogo acionando o corpo de bombeiros e policia ambiental tão logo percebamos algum foco de incêndio.

Somente juntos, Sociedade, Poder Publico e Iniciativa privada, comprometidos com a sustentabilidade conseguiremos um meio ambiente saudável livre de incêndios florestais.

Estiagem e de Incêndios Florestais.

Data: 28 / 07 / 2016.

Todos os anos Minas Gerais perde para o fogo importantes áreas de interesse para a preservação

Os incêndios florestais acontecem por causa da ação descuidada do homem.